Explosão cósmica produziu 7,5 bilhões de anos atrás, visível a olho nu

NASA observou uma explosão cósmica tão forte e brilhante que seus efeitos puderam ser detectados a olho nu a partir da Terra, embora tenha produzido 7,5 bilhões de anos atrás, a uma distância além do meio do universo visível, informa AFP

 u0026 Quot; Nenhum outro objeto conhecido ou tipo de explosão pode não ser visto a olho nu a essa distância u0026 quot;, que é de 7,5 bilhões de anos-luz, foi ótimo Stephen Holland, NASA pesquisador.
u0026 Quot; Se alguém foi encontrado no lugar certo no momento certo, pode perceber o objeto mais distante já observado a olho nu da Terra u0026 quot;, destacou Holanda.
Até agora, objeto mais distante visto a olho nu era galáxia M33, que se encontra u0026 quot; única u0026 quot; a uma distância de 2,9 milhões de anos-luz.
O fenômeno, chamado de explosão de raios gama e detectada pelo satélite Swift da NASA, é um dos mais violentos que possam ocorrer no universo.
Explosão quarta-feira u0026 quot; é o maior visto até agora u0026 quot;, salientou Neil Gehrels, Centro aeroespacial da NASA Goddard.
Quando uma estrela é 10 a 25 vezes maior que o nosso Sol morre, ele pode entregar, em poucos segundos, a mesma energia que o Sol irradia ao longo do seu tempo de vida inteira (10 bilhões de anos) .
Uma vez expelida, os raios gama colidem com gás interestelar nas proximidades, e uma colisão não pode gerar uma radiação de luz residual a comprimentos de onda diferentes.

Fonte: AFP
0

Comentários - 0

Sem comentários

Adicionar um comentário

smile smile smile smile smile smile smile smile
smile smile smile smile smile smile smile smile
smile smile smile smile smile smile smile smile
smile smile smile smile
Caracteres restantes: 3000
captcha