O primeiro telescópio espacial dedicada a observar o ambiente de planetas no Sistema Solar está pronto para a ação

Um telescópio espacial japonesa, a primeira em sua categoria, é preparado para monitorar os planetas do sistema solar, a dois meses e meio após o seu lançamento, anunciou na agência de exploração espacial de terça-feira do Japão (JAXA), informa a AFP.

"Não foi possível verificar o telescópio funciona Sprint-A (também chamado Hisaki) e pretende começar a tarefa de medições científicas", diz o comunicado de imprensa emitido pela JAXA.

Sprint Um telescópio espaço dedicado é a primeira observação do ambiente dos planetas do sistema solar (Vênus, Marte e Júpiter) em uma órbita terrestre oscilando entre 950 km e 1150 km.

JAXA confirmou a operação normal do sistema de recolha de radiação ultravioleta extremo, o que não pode ser observada a partir da Terra.

Telescópio Hisaki foi colocado em órbita a funcionar em 15 de setembro, um dia após o lançamento do japonês feito novo foguete Epsilon.

Epsilon, alimentado por propelentes sólidos, é o mais recente motor desenvolvido pelo Japão como foguete H-2A, duas vezes maior e duas vezes mais caro, inaugurado em 2001. O Japão lançou uma versão menos impressionante, H-2B que realizou uma primeira missão em 2009.

Fonte: Mediafax, AFP

0

Comentários - 0

Sem comentários

Adicionar um comentário

smile smile smile smile smile smile smile smile
smile smile smile smile smile smile smile smile
smile smile smile smile smile smile smile smile
smile smile smile smile
Caracteres restantes: 3000
captcha